FAME - Faculdade de Medicina de Barbacena

19/11/2018

Faculdade de Medicina de Barbacena Realiza Projeto com os Coletores de Lixo da Cidade

 

O Curso de Medicina da Faculdade de Medicina de Barbacena - FAME, desde os períodos iniciais, busca incorporar o estudante à comunidade, contribuindo, assim, para este discente seja capaz de realizar ações de promoção, prevenção, recuperação e reabilitação da saúde, com responsabilidade social e compromisso com a defesa da cidadania.

O Projeto de Extensão "Prevenir para Viver" engloba 18 projetos e faz parte da estrutura da Disciplina PIAP - Programa Integrador da Atenção Primária. Os locais e temas de cada trabalho são escolhidos pelo próprios alunos, abrangendo áreas distintas, permitindo que o discente vivencia na prática a interdisciplinaridade e integração entre ensino, pesquisa e extensão. O Projeto “Amigos do Catador” que visa a qualidade de vida dos coletores de lixo de Barbacena é um desses projetos que está sendo realizado por um grupo de acadêmicos de medicina da FAME objetivando garantir maior visibilidade e valorização para esses trabalhadores.

                 Parte da população não tem conhecimento da importância dos coletores para a nossa sociedade, pois recolhendo o lixo, eles  participam diretamente na prevenção de doenças, garantindo que nossa cidade se mantenha limpa e com um bom visual.

Além disso, nós, acadêmicos integrantes do projeto, buscamos melhorar a qualidade de vida e saúde desses trabalhadores por meio de intervenções mensais.  Os catadores de lixo exercem atividades difíceis que os expõe a diferentes riscos físicos, biológicos e psicossociais. Já foram realizados, através do nosso Projeto, 4 encontros : no primeiro, apresentamos a eles nosso cronograma, a intenção do projeto e os nossos participantes, a fim de maior proximidade entre ambas as partes. Também foi aplicado um questionário com o intuito de  saber melhor as dificuldades que estes enfrentam no dia a dia do trabalho.

                Em outros encontros, falamos sobre os Equipamentos de Proteção Individual - EPI e a importância da sua utilização. Falamos também sobre diabetes e hipertensão e ferimos a pressão arterial dos trabalhadores.  A nossa última ação será no final de novembro, onde falaremos sobre a importância da vacinação em dia e sobre primeiros socorros, orientando-os sobre a melhor intervenção a ser feita, caso aconteça algum acidente durante o trabalho.

                Ressaltamos aqui a importância sobre o  descarte correto do lixo. O descarte de medicamentos deve ser feito em pontos de coleta específicos, para posteriormente  serem encaminhados a um destino correto. No caso dos remédios, farmácias e drogarias aceitam medicamentos vencidos para encaminhá-los ao seu destino final, sem risco de contaminação. A ANVISA - Agência Nacional de Vigilância Sanitária possui uma lista de postos de coleta credenciados.

                Todos os materiais perfurocortantes devem ser descartados em algum recipiente específico, rígido, resistente a vazamentos e rupturas. Poucos minutos de dedicação na hora de embalar o vidro quebrado fazem a diferença. Isso porque, quando os descartamos corretamente, facilitamos seu transporte e a segurança dos trabalhadores da coleta.

 

Algumas dicas de como descartar os vidros de maneira correta:

1- Envolva bem os pedaços do vidro em várias folhas de jornal ou plástico bolha e coloque em uma caixa de papelão;

2- Outra opção é cortar uma garrafa pet, colocar os pedaços de vidro dentro dela e fechá-la, lembrando-se de vedá-la bem com fita adesiva, para que não abra;

3- Se o vidro for reciclável, como embalagens de alimentos e medicamentos, verifique o dia da coleta seletiva do seu bairro e descarte o material junto com o lixo limpo, porém escreva no pacote o conteúdo;

4- Monitores de TV e computador não podem ser descartados com o lixo comum ou reciclável. Devolva o equipamento ao fabricante ou informe-se sobre os locais de descarte.

5- Lâmpadas fluorescentes devem ser descartadas em locais específicos por possuírem resíduos tóxicos. Já as lâmpadas incandescentes podem ser descartadas no lixo comum, pois não podem ser recicladas.

 

                Os alunos da Faculdade de Medicina de Barbacena - FAME que tiveram essa brilhante iniciativa e que integram este Projeto são: Aryane Caroline de Oliveira e Sousa, Bruna Reis Freire, Gustavo Quintão, Isabela Freire Lage Reis, Karen Lamounier Silva, Luísa Fernandes Ramos, Maria Júlia Andrade Rodrigues, Mariana Magalhães Correia, Newton Lombardi, Rafaela Maria Saliba Ribeiro e Tamara Lacerda de Mesquita.




Últimas Notícias

RESULTADO DO PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA – PIC - 2019


Professores Orientadores: Dr. Mauro Eduardo Jurno e Dra. Liliana Chevtchouk “Uso de melatonina versus amitriptilina na profilaxia de
Informações do vestibular 2º semestre 2019


Informações Aqui!
Inscrições para II Mostra de Extensão foram prorrogadas


As Inscrições para II Mostra de Extensão foram prorrogadas até o dia 22/05/2019
Programa de Iniciação Científica – PIC 2019


Todas as Inscrições feitas para o Programa de Iniciação Científica – PIC 2019 (Prof. Mauro Jurno) foram homologadas. Prova: 23/05/2019 às 10h – Entrevista após a
Inscrições Para Estágio nos Serviços de Sutura e Toxicologia.


  Edital de Sutura
Regulamentação para o Congresso Médico da Região Centro-Sul da Faculdade de Medicina de Barbacena


Regulamento Aqui!
Inscrições para o Programa de Iniciação Científica – PIC 2019


Inscrições de 06 a 10 de Maio de 2019, de 8h às 12h, com Valéria no NUPE Projeto
Inscrição para II Mostra dos Projetos de Extensão da FAME
INFECÇÃO HOSPITALAR E A HIGIENIZAÇÃO DAS MÃOS


Por Queila Cristina da S. M. P. de Souza - Professora da Faculdade de Medicina de Barbacena . A